#desaparecidos políticos

22 de abril de 2019, 09h00

Bolsonaro extingue grupo que identificava ossadas de desaparecidos políticos

Ainda no tempo em que era deputado, Bolsonaro mantinha na porta de seu gabinete cartaz sobre as buscas na região do Araguaia que dizia: "Quem procura osso é cachorro"


22 de outubro de 2013, 17h47

No Chile, 79 agentes da ditadura podem parar no banco dos réus

Um dos indiciados, Manuel Contreras, já foi condenado a prisão perpétua por outros crimes


06 de junho de 2012, 13h00

A reunião da Congregação da USP, por Bernardo Kucinski

Recebi ontem via email do Pedro Pomar o pdf da revista da Adusp e reli o relato que o professor Bernardo Kucinski faz da reunião da Congregação do Instituto de Química que analisa o processo 174.899/74 da Reitoria pedindo a rescisão do contrato da irmã do autor do texto,  Ana Rosa Kucinski, que junto com seu marido Wilson […]


30 de novembro de 2011, 15h21

K.: Não temos o direito de esquecer

“Mas ela não era comunista?” O pai angustiado à procura da filha desaparecida ouviu essa pergunta várias vezes, ao falar com pessoas que julgava poder ajudar a encontrá-la, como se ser comunista justificasse tudo o que fizessem com ela, e era um tempo em que os comunistas e a esquerda mais radical não tinham a […]


12 de maio de 2011, 11h14

Rádio Brasil Atual entrevista Fonteles, ameaçado de morte

Para ler a carta denúncia de Fonteles acesse: Vamos deixar Fonteles ser assassinado. Torturador da ditadura chefia Agência Brasileira de Inteligência no Pará Da Rádio Brasil Atual 11/05/2011 A Rádio Brasil Atual entrevistou na quarta-feira, 11 de maio, o pesquisador Paulo Fonteles Filho. Em debate, a Guerrilha do Araguaia. Ele revelou na conversa que o […]


07 de maio de 2011, 13h29

Vamos deixar Fonteles ser assassinado?

Sobre a minha “morte”. Por: Paulo Fonteles Filho Ontem, 5 de maio, circulou pelas redes sociais que teriam me assassinado em um bar, junto à minha mulher, em Belém. A coisa foi tão contundente que jornalistas, amigos, foram até a casa de minha mãe, no bairro do Telégrafo, confirmar se eu havia mesmo sido morto. […]


28 de maio de 2009, 13h31

Bolsonaro faz troça com desaparecidos políticos

Parlamentar carioca do PP, famoso por defender a ditadura militar, afixa cartaz que desrespeita busca de mortos na guerrilha do Araguaia