#Elias Brasilino

09 de agosto de 2013, 10h15

Gravuras rupestres somem de sítios arqueológicos da Amazônia

Pesquisadores e índios denunciam a retirada de camadas de rochas, com pinturas com mais de 3 mil anos, segundo estimativas de cientista; o objetivo seria vendê-las