#era de ouro

08 de junho de 2016, 19h52

EUA: A eleição como sintoma do declínio

Crescimento de candidatos anti-establishment marca o fim de um período. Além de influência global, país perde coesão interna. E a “era de ouro” não voltará Por Immanuel Wallerstein / Tradução de Inês Castilho, no Outras Palavras Estamos acostumados a pensar em instabilidade de Estados localizados principalmente no Sul global. É sobre essas regiões que eruditos […]