#espantalho

01 de agosto de 2018, 22h17

Bolsonaro não é um espantalho

Confiar que o apoio da burguesia a Alckmin será o suficiente para tirar Bolsonaro do segundo turno parece ser, sendo sóbrio com as palavras, pouco responsável. E se a consequência desta estratégia for a ida de Alckmin e Bolsonaro para o segundo turno?