#Everaldo Batista da Costa

14 de maio de 2015, 14h39

Seja professor! [resposta a um artigo realista-desencorajador]

Com base no artigo “Não seja professor”, publicado pelo filósofo Vladimir Safatle na Folha de S. Paulo, professor da Universidade de Brasília (UnB) questiona os argumentos apresentados e defende o incentivo à carreira dos docentes, apesar das dificuldades da profissão: “O momento não é de desencorajamento, mas de estímulo à mudança prática e ao embate de diálogo aberto com aqueles que deveriam nos representar”.


20 de fevereiro de 2015, 10h00

“Brasil, Pátria Educadora”: sobre a ação do verbo

“Brasil, Pátria Educadora”, lema de governo anunciado por Dilma Rousseff em sua posse, por um lado, é frase caracterizada pela ausência de verbo a indicar ação. Por outro, soa um chamado, pela utopia necessária que os dois substantivos e o adjetivo, juntos, denotam. Lema que invoca reflexão mais aprofundada no contexto do pronunciamento da presidenta.