#ex-mulher

17 de agosto de 2017, 08h44

Vereador tucano é condenado à detenção por agredir ex-mulher

Guilherme Prócida, filho do atual prefeito de Mongaguá, no litoral de São Paulo, recebeu pena de três meses e 18 dias de prisão.