#execuções

27 de julho de 2016, 16h19

Quarenta sacos fúnebres são levados ao Comitê da Olimpíada em ato contra violência policial

Só no último mês, quarenta pessoas foram mortas pela polícia do Rio de Janeiro. Ao todo, desde quando a cidade foi escolhida como sede dos Jogos Olímpicos, 2.600 pessoas já foram assassinadas pela PM Por Victor Labaki Ativistas realizaram nesta quarta-feira (27) um ato simbólico em frente  a sede do Comitê Organizador da Olimpíada, no […]


13 de julho de 2016, 12h38

Relatório dá detalhes de confrontos forjados pela PM no Rio de Janeiro

Levantamento da ONG internacional Human Rights Watch revela alteração em cenas de crimes e rebate declarações da polícia em dezenas de casos.


29 de junho de 2016, 20h11

Entidades de defesa dos direitos humanos organizam ato em repúdio a violência policial

A manifestação procura chamar a atenção para o alto número de assassinatos de jovens brasileiros cometidos por agentes de segurança. Só neste mês, duas crianças foram assassinadas em circunstâncias que apresentam indícios de execuções. Ítalo Ferreira de Jesus Siqueira, de 10 anos, foi morto por policiais militares no dia 2 de junho. Já Waldik Gabriel […]


05 de outubro de 2015, 09h42

Segundo pesquisa, para 50% da população “bandido bom é bandido morto”

Levantamento do Datafolha encomendado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostra que maioria dos entrevistados concorda com frase que simboliza execuções extrajudiciais Por Redação Pesquisa Datafolha mostra que 50% da população brasileira concorda com a frase “Bandido bom é bandido morto”. Entre os entrevistados, 45% discorda, 3% não concorda nem discorda e 2% diz não […]


02 de junho de 2010, 13h29

Execuções sumárias no Brasil continuam crescendo

Relatório das Nações Unidas revelam que polícia continua executando nos mesmos níveis que 2007, ano da última verificação do órgão. Relator defende que MP conduza investigações quando polícia estiver envolvida


22 de abril de 2010, 11h27

O Hamas continuará com as execuções

Nos últimos dias, o movimento islâmico foi duramente criticado após ordenar o fuzilamento de dois homens em Gaza, na semana passada, acusados de traição.