#frei agostino

30 de setembro de 2017, 15h01

Religioso critica decisão do STF sobre ensino religioso nas escolas: “Tentativa de impor moral”

Para Frei Agostino, religioso de São Paulo que acompanhou ocupações de estudantes em escolas, a proposta de ensino religioso "confessional" aprovada para escolas públicas pelo STF representa um "fundamentalismo". Pela proposta aprovada, educadores terão a liberdade de promover a sua própria religião em sala de aula