#FSB Comunicação

05 de julho de 2018, 09h34

Agência contratada para ‘falar mal’ da Eletrobrás tem serviço suspenso por liminar

FSB Comunicação, citada em delações da lava-jato, recebeu mais de R$ 3,5 milhões para falar mal da estatal e facilitar privatização