#general Reynaldo Bignone

21 de abril de 2012, 13h54

Ex-ditador é condenado a 25 anos de prisão na Argentina

Após três décadas impune, o último ditador argentino foi condenado pelo Tribunal Oral Federal de San Martín. Esteve diretamente envolvido em homicídios e no rapto de 500 bebês, cujas mães foram obrigadas a dar à luz em centros de detenção clandestinos.