#guerra química

03 de Abril de 2014, 23h20

100 anos da 1ª Guerra: entidade denuncia que multinacional alemã continua ignorando crimes

Na Primeira Guerra Mundial, a indústria química alemã teria produzido explosivos, munições e gás venenoso. Os altos preços garantidos pelo governo também teriam aumentado significativamente seu faturamento