#imbecil

21 de março de 2018, 22h14

O imbecil: um novo ethos político

É a primeira vez na história que se apresentar como um completo idiota, para o cargo máximo da democracia brasileira, pode alavancar uma carreira política. Ser impopular para os detentores da verdade acaba por ser um ímã para aqueles que sempre foram excluídos