#índice alarmante

04 de outubro de 2017, 07h42

Polícia Militar investiga morte de travesti a tiros em Fortaleza

Com este chega a 12 o número de LGBTs assassinados somente este ano, no Ceará, índice alarmante na avaliação do coordenador político do Grupo de Resistência Asa Branca (Grab).