#Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)

26 de fevereiro de 2017, 15h52

Para proteger Michelzinho, Palácio da Alvorada, tombado pelo Iphan, ganha rede externa

A família Temer se mudou para o Palácio da Alvorada na última semana. Uma das várias modificações por que passou o local, que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), foi uma rede de proteção que alcança até o teto da sacada do primeiro andar do prédio, onde fica a área residencial, com o quarto de Michelzinho.