#jô

24 de novembro de 2017, 15h50

Biografia do Jô: “Fui eu que matei a sua mãe”, disse o taxista

Em 1977, o artista pegou um táxi, cujo motorista era o mesmo que havia atropelado sua mãe, que morreu em decorrência dos ferimentos, em 1968: "Você está perdoado", falou o apresentador.


14 de agosto de 2015, 14h32

Após críticas a Dilma e ao governo, Jô chama jornalista de “apocalíptica”

Na última edição do quadro "Meninas do Jô", Lilian Witte Fibe foi criticada pelo apresentador depois de desenhar um cenário completamente pessimista em relação à economia brasileira; chamada de "apocalíptica", ela tentou rebater, mas Jô não deu o braço a torcer e disse que "enquanto os cães ladram, a caravana passa".