#Juventus

11 de julho de 2018, 15h03

Trabalhadores italianos da Fiat entram em greve após contratação de Cristiano Ronaldo pela Juve

A compra milionária do craque português pela Juventus tem participação direta da montadora de automóveis, cujo herdeiro é o presidente do clube italiano. "Não é aceitável que os trabalhadores continuem a fazer enormes sacrifícios econômicos enquanto a empresa gasta milhões de euros num jogador", diz sindicato