#Mais Médcos

10 de maio de 2019, 07h35

Cuba permite volta de médicos que ficaram no Brasil e foram enganados por Bolsonaro: “Dignidade humana”

Após o fim da participação cubana no Mais Médicos, Bolsonaro disse que iria conceder asilo e apoio a profissionais que continuassem no Brasil. Mas até o momento, nenhuma medida foi tomada