#manequim negro

03 de Fevereiro de 2016, 09h13

Marca de Huck é acusada de racismo após pendurar manequim negro pelos pés

Essa não é a primeira vez que a empresa se envolve em polêmicas. No ano passado, ela colocou manequins com cabeças de veado e macaco e os dizeres "O preconceito está na sua cabeça". A campanha foi acusada, na época, de ironizar a militância de negros e gays.