#Media Pro

15 de novembro de 2017, 12h14

Propina da Globo é destaque no New York Times

No trecho em que cita a Globo, a matéria do NYT aponta que “Burzaco disse que outras empresas de mídia, incluindo Traffic, Televisa, Media Pro, TV Globo e Full Play Argentina, também pagaram subornos por direitos de futebol