#mídia tradicional

16 de Janeiro de 2018, 20h41

O Facebook vai mudar de novo, mas o que muda de verdade?

Com as mudanças significativas anunciadas por Mark Zuckerberg no último dia 11, uma avalanche de análises tomou as redes sociais – talvez a ideia de fomentar o debate já esteja surtindo o efeito esperado. Por Bruno Santana e Renato Rovai Aos que gostam de falar assim, 2018 realmente começou com tudo, pelo menos na internet. […]


14 de Janeiro de 2018, 16h05

William Waack culpa radicalismo obtuso do ambiente virtual pra justificar seu ato racista

O jornalista, demitido da Globo em razão de ter feito o comentário racista “coisa de preto”, falou pela primeira vez a respeito do caso; ele disse ter feito uma piada a afirmou que “os canalhas do linchamento” querem tirar o “caráter irreverente” do povo brasileiro.


04 de dezembro de 2017, 15h55

Para a imprensa tradicional, PIB de 2,5% de Dilma era “pibinho” e PIB de 0,1% de Temer é “retomada do crescimento”

Os governos Dilma só registraram Produto Interno Bruto acima dos 2% e, para os grandes veículos de comunicação do país, aquilo um “pibinho”. Já o PIB de 0,1% do governo Temer registrado neste terceiro trimestre é tratado como “retomada do crescimento”. Diferença de tratamento é explícita Por Redação Veículos de mídia tradicional do Brasil como […]


30 de novembro de 2017, 16h26

Silêncio: No dia de depoimento de Tacla Duran, destaque da Globo é a morte do americano que inspirou o “balde de gelo”

Ex-advogado da Odebrecht prestou um depoimento na CPI da JBS nesta quarta-feira (30) que abala a “república de Curitiba” ao desnudar os métodos de Moro para a obtenção de delações premiadas. Assunto é um dos mais comentados da internet, mas principais veículos de mídia do país ignoram. Para o G1, depoimento sequer existiu Por Ivan […]


14 de agosto de 2017, 20h41

Charlottesville: Mídia brasileira evita palavra “nazistas” e escolhe “supremacistas”

Não é à toa. No protesto absurdo de Charlottesville (EUA), manifestantes gritavam contra negros, judeus, LGBTs, imigrantes e exaltavam a “superioridade” branca. No Brasil, todos esses valores são disfarçados pelo antipetismo que essa mesma mídia ajuda a alimentar. Se chamarem, então, os “supremacistas” americanos de nazistas, teriam que chamar muito cidadão de bem de verde […]


04 de agosto de 2017, 17h54

Caco Barcellos critica o jornalismo versão promotores da Lava Jato

“Reproduzem o que promotores fazem. Não tem trabalho efetivo”, disse Caco, um dos jornalistas mais respeitados da mídia tradicional, sobre a cobertura que essa mesma mídia faz de trabalhos do Ministério Público  Por Redação  Caco Barcellos, autor de livros de jornalismo investigativo e um dos mais respeitados jornalistas da mídia tradicional, criticou a cobertura que […]


17 de Março de 2017, 18h28

As lições diárias de desjornalismo da imprensa brasileira

Na quarta-feira (15) centenas de milhares de brasileiros saíram às ruas no país todo contra a reforma da Previdência. A imprensa falou em greve dos transportes, greve de servidores públicos, distúrbio ao trânsito, caos nas cidades, ato de apoio a Lula, menos no que levou tanta gente a se mobilizar. Deu voz a todos que […]


22 de agosto de 2016, 13h38

“Nós, da esquerda, falhamos com a população”, diz Ciro Gomes

Ex-ministro foi um dos convidados do evento de comemoração de um ano da Agência Democratize e, na ocasião, ressaltou que a aliança com PMDB foi determinante para o golpe contra o governo de Dilma Rousseff.


10 de junho de 2016, 17h01

A pior imprensa do mundo

De acordo com a organização internacional Repórteres sem Fronteiras em matéria de liberdade de imprensa o Brasil ocupa o 104º lugar. Há seis anos, ficava em 58º. Para quem sempre identificou imprensa com democracia, essa lanterna moral é uma chave a ser considerada Por João Paulo Cunha, do Brasil de Fato Os dados são da […]


29 de Março de 2016, 16h13

Reginaldo Nasser: Comentários sobre minha recusa em dar entrevista à Globo News

Por que tornar público um convite privado? Algumas pessoas se referiram à divulgação como “moda” ou um lance de marketing, mas, para qualificar o debate, seria mais apropriado falar em “atitude politica” e não moda. Se a atitude é seguida por outros pode tornar-se um movimento social. Aliás, essa atitude política inclusive tem nome: “boicote”. […]


17 de Março de 2016, 15h09

Rompendo com o roteiro da grande mídia e com o golpe

Toda narrativa política, antes de ser política, é simbólica. Lula mora em São Bernardo, lugar em que atuou como operário. É nele que a novela midiática personaliza a esquerda, o poder do operariado, a luta de classes, um amplo espectro de tensões que não pretende analisar, mas esticar até romper: é preciso para os roteiristas, […]


16 de Março de 2016, 11h11

A Globo, o Jornal Nacional e a manipulação de contextos na montagem de notícias

Se há um veículo de comunicação na imprensa brasileira que costuma levar a manipulação da informação ao seu estágio mais sofisticado, este é o principal telejornal global. Há muito tempo o JN reduziu a prioridade pela notícia para enfatizar programas e eventos envolvendo interesses comerciais da empresa , bem como o proselitismo aberto em favor […]


03 de Março de 2016, 16h15

Jandira Feghali: Grande mídia e poder

Veículos de comunicação usam e abusam da Operação Lava-Jato como grande gerador de conteúdo golpista, sejam fatos verídicos ou não. Fatos e provas devem condenar e punir, sim, mas é preciso que existam realmente. Vazamentos ilegais e seletivos não podem pautar as estruturas de poder Por Jandira Feghali A Grande Mídia no Brasil noticia, julga […]


28 de Fevereiro de 2016, 09h54

As pesquisas, o pessimismo com a economia e o veneno midiático

Duas pesquisas nesta semana mostram que o pessimismo do brasileiro em relação às expectativas econômicas diminuiu, mesmo diante do quadro recessivo. A resposta pode estar no exagero de parte da mídia tradicional No gráfico abaixo, a cobertura econômica do Jornal Nacional nos últimos meses, de acordo com o Manchetômetro Por Glauco Faria Pesquisa Datafolha divulgada […]


31 de Janeiro de 2016, 12h09

Azenha: Lula acreditou na conciliação de classes. Filhos do Roberto Marinho, não

José Dirceu e Lula chegaram ao poder apostando tudo na conciliação de classes. Experimentam, agora, o poder da guerra de classes movida pelos barões da mídia. Você pode até esquecer que nasceu pobre, foi do pau-de-arara ao Planalto, dividiu a mesa e serviu aos ricaços. Mas quem está “por cima” não esquece nunca