#Miro Borges

29 de outubro de 2014, 16h58

Para ativistas, apenas pressão popular vai permitir regulação da mídia e criminalização da homofobia

Em entrevista, Dilma Rousseff declarou que “criminalizar a homofobia é civilizatório” é que "não é possível" que um país viva com um setor de comunicação não regulamentado.