#Odara Dèlé

11 de outubro de 2018, 15h59

Suástica, xingamentos e “viva Bolsonaro”: Professora de SP é alvo de ataques racistas de alunos

Alunos de uma escola pública da zona norte de São Paulo picharam na porta da sala de aula uma suástica com a inscrição "preta galinha"; a mensagem era direcionada a uma professora negra de sociologia, que dias antes tinha ouvido dos alunos gritos de apoio ao candidato Jair Bolsonaro (PSL)