#peculato

18 de setembro de 2018, 22h03

Renan Calheiros é absolvido pela Segunda Turma do STF da acusação de peculato

Senador era acusado por suspeita de desviar dinheiro; a fraude teria ocorrido quando ele tentou justificar recursos para pagar pensão da filha


30 de agosto de 2018, 17h21

Cabo Daciolo é alvo de inquérito por suposto “calote” em empresa de informática

Ação foi apresentada pela Swell Home Office Consultoria em Tecnologia da Informação, na Justiça do Rio de Janeiro, que cobra R$ 45 mil do presidenciável, por serviços prestados em seu gabinete na Câmara


24 de abril de 2018, 16h54

Maioria rejeita recurso e mantém condenação de Azeredo por peculato e lavagem de dinheiro

Por 3 votos a 2 os desembargadores votaram pela autorização do mandado de prisão depois de esgotados todos os recursos na segunda instância; defesa pode pedir embargos de declaração


06 de outubro de 2017, 08h50

Coronel do Exército é condenado por desviar mais de R$ 4 milhões em obras de estrada no Pará

Um ex-tenente e mais cinco civis também fazem parte do esquema que atuava na construção da BR-163 (Santarém-Cuiabá). Todos foram condenados pelo crime de peculato, com penas variando de três a cinco anos de reclusão. Da Redação Em julgamento realizado pelo Superior Tribunal Militar (STM) o coronel do Exército, Carlos Alberto Paccini Barbosa, e mais […]


09 de agosto de 2016, 18h55

Apesar de condenado por peculato, Russomanno é absolvido pelo STF e poderá disputar prefeitura

O processo por crime de peculato estava em tramitação há 11 anos. Russomanno é candidato do PRB à prefeitura de São Paulo nas eleições de outubro de outubro deste ano Por Agência Brasil A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (9) aceitar apelação e absolver o deputado federal Celso Russomanno (PRB-SP) do crime […]


17 de dezembro de 2015, 09h42

Eduardo Azeredo (PSDB) é condenado a 20 anos de prisão por mensalão tucano

Sentença do ex-senador foi dada por crimes cometidos durante a campanha eleitoral para sua reeleição ao governo de Minas Gerais


02 de dezembro de 2015, 14h29

STF pode inviabilizar candidatura de Russomanno à prefeitura de São Paulo

Condenado pela Justiça Federal a dois anos de prisão por peculato, o apresentador de TV e deputado federal apresentou recurso no Supremo para reverter a sentença; caso o órgão mantenha a decisão, Russomanno será enquadrado na Lei da Ficha Limpa e ficará inelegível por oito anos.


28 de novembro de 2015, 16h36

Celso Russomano é condenado a dois anos de prisão por peculato

Justiça Federal converteu a pena, no entanto, à prestação de serviços comunitários e pagamentos de cestas básicas; deputado federal e pré-candidato à prefeitura de São Paulo, Russomano nomeou como funcionária de seu gabinete a gerente de sua produtora de vídeo