#poney

10 de fevereiro de 2014, 13h37

Após bullying homofóbico, garoto de 11 anos tenta se matar e comove os EUA

Por gostar de um personagem cor de rosa, Michael Morones era cotidianamente humilhado na escola;  a sua história comoveu a Carolina do Norte e uma campanha contra o bullying foi lançada  Por Redação Michael Morones, 11, tentou se matar depois de sofrer bullying homofóbico na escola. O garoto, que tentou se enforcar, foi encontrado pelos […]