#portugues

29 de julho de 2016, 15h50

Médico debocha do jeito de falar de paciente: “Não existe peleumonia”

O médico Guilherme Capel Pasqua, plantonista do Hospital Santa Rosa de Lima, em Serra Negra (SP), foi afastado do trabalho depois de debochar de um paciente que estudou apenas até o segundo ano do ensino fundamental. Ele publicou uma foto que foi parar nas redes sociais com um papel escrito “Não existe peleumonia e nem […]


02 de Maio de 2011, 18h11

Isso não obsta!

Antes de viajar para o Nordeste pela primeira vez, eu achava que a palavra acolá existia só nas palavras cruzadas, ninguém falava isso. Mas entre nordestinos vi que não só existe como é muito empregada. O que não existia entre muitos nordestinos eram as palavras ali e lá. Lá era acolá, e ali era acolazinho. […]