#refugiados sírios

16 de setembro de 2015, 13h41

Refugiado sírio derrubado por cinegrafista húngara vai morar e trabalhar na Espanha

Osama Abdul Mohsen, agredido junto com seu filho pela jornalista Petra László, foi técnico de futebol na Síria e recebeu oferta de trabalho e residência de uma escola de treinadores de Getafe