#Renata Abreu

02 de novembro de 2015, 17h24

Deputada se arrepende de apoiar projeto de Cunha que dificulta aborto após estupro

Renata Abreu (PTN-SP) afirma que foi influenciada por outros parlamentares, mas repensou o assunto após conversar com mulheres vítimas de violência sexual: “Percebi que a questão não é tão simples assim”. Na última semana, o projeto foi aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados por 37 votos a 14.