#Risotolândia

23 de janeiro de 2017, 13h34

Empresário do Paraná contrata mais de 70 presidiários

A maior vantagem está na ressocialização do preso. O salário, no entanto, é o mínimo e o preso não tem contrato pela CLT.