#São Paulo Parada

15 de março de 2017, 09h31

São Paulo para contra Temer

Terminais de ônibus e estações do Metrô amanheceram vazios, vias foram bloqueadas por manifestantes e a Prefeitura liberou o rodízio de carros em toda a cidade. Motoristas e cobradores de ônibus, metroviários e trabalhadores em geral não foram trabalhar. A maior cidade do país parou contra as reformas trabalhista e da previdência de Temer.