#Sete de Setembro

05 de setembro de 2018, 16h15

Para pensar o Sete de Setembro

Hoje, quase duzentos anos depois da Independência do Brasil, as classes dominantes que ainda possuem o domínio sobre os principais meios de comunicação, ainda buscam forjar uma narrativa dos acontecimentos que legitimam os seus feitos