#solto

30 de junho de 2018, 08h56

Justiça solta diretor da Dersa, acusado de desvios em obras durante governos tucanos em SP

A Justiça mandou soltar Pedro Paulo Dantas Amaral e outros quatro suspeitos presos na operação Pedra No Caminho, que apura o desvio de mais de R$600 milhões em obras do Rodoanel durante governos tucanos em SP; principal alvo da operação, que continua preso, foi secretário de Alckmin