#Vala Comum

15 de setembro de 2013, 11h49

Empresária conta como descobriu cemitério de escravos, ao reformar casa

“Quando encontrei uma arcada dentária de criança fiquei assustada. Pensei em uma chacina, que alguém havia matado a própria família"