Segunda Tela

14 de março de 2018, 16h30

Temer lamenta morte de Stephen Hawking e leva troco nas redes

“Falou o imbecil que acabou com o Ministério da Ciência e Tecnologia”, comentou um internauta na postagem de Temer

Michel Temer postou, nesta quarta-feira (14) nas redes sociais mensagem sobre a morte do físico britânico Stephen Hawking e não teve mais sossego.

“Acabo de ler nos jornais que morreu hoje o físico britânico Stephen Hawking, um dos cientistas mais brilhantes de sua geração, cujo o trabalho e legado viverão por muito tempo. A ciência e o mundo perdem um grande aliado”, escreveu Temer.

Logo em seguida, uma seguidora postou:

“Enquanto Stephen Hawking estudava a amplitude e o vasto universo, a equipe brasileira de astronomia foi expulsa do laboratório internacional de astronomia pq o governo brasileiro não paga as mensalidades. Olha só que hipocrisia vc falar disso @MichelTemer“.

Um pouco mais adiante, outro internauta lembrou:

“Falou o imbecil que acabou com o Ministério da Ciência e Tecnologia”

No final do ano passado, foi anunciado pelo governo um corte para o ministério da Ciência e Tecnologia de R$ 1,2 bilhão da pasta em relação ao que foi previsto para a área em 2017.