04 de outubro de 2014, 18h37

“Temos que escolher um candidato que sabemos de que lado está”, afirma Beá Tibiriçá

#48hDemocracia: Diretora do Coletivo Digital comenta a influência das manifestações de junho nas eleições deste ano e pede que as pessoas valorizem a importância do voto.

#48hDemocracia: Diretora do Coletivo Digital comenta a influência das manifestações de junho de 2013 nas eleições deste ano e pede que as pessoas valorizem a importância do voto Por Redação A revista Fórum realiza neste sábado (4) e domingo (5) o #48hDemocracia, uma cobertura colaborativa das eleições. Reforma política, democratização da comunicação e as grandes manifestações de junho foram alguns dos assuntos debatidos com os convidados. Sobre este último tema, a diretora do Coletivo Digital, Beá Tibiriçá, ressaltou que as reivindicações dos ativistas são válidas, mas não dá para abrir mão do voto, como algumas pessoas sugerem fazer em forma...

#48hDemocracia: Diretora do Coletivo Digital comenta a influência das manifestações de junho de 2013 nas eleições deste ano e pede que as pessoas valorizem a importância do voto

Por Redação

A revista Fórum realiza neste sábado (4) e domingo (5) o #48hDemocracia, uma cobertura colaborativa das eleições. Reforma política, democratização da comunicação e as grandes manifestações de junho foram alguns dos assuntos debatidos com os convidados.

Sobre este último tema, a diretora do Coletivo Digital, Beá Tibiriçá, ressaltou que as reivindicações dos ativistas são válidas, mas não dá para abrir mão do voto, como algumas pessoas sugerem fazer em forma de protesto. “Temos que melhorar, mas isso não significa parar de votar. Amanhã, temos que exercer um direito que muito nos custou conquistar”, disse.

Beá lembrou que, durante muitos anos, os cidadãos não puderam ir às urnas em decorrência da repressão do período militar e que essa conquista democrática deve ser valorizada. Porém, faz uma ressalva: saber diferenciar as propostas políticas é o que, de fato, dá sentido ao voto. “Temos que escolher um candidato que sabemos de que lado está”, enfatizou.

O #48Democracia continua com o debate. Acompanhe nossa transmissão ao vivo!