Imprensa livre e independente
02 de março de 2018, 12h10

Tenente da reserva usa canal oficial do exército para defender intervenção total no Rio

Além de defender a Intervenção Total no Rio, o oficial critica também a imprensa que “navega na contramão do desejo da sociedade e já começa a apontar suas baterias” contra a ação

De acordo com o Painel da Folha, um tenente da reserva usou um canal oficial do Exército para criticar a decisão “discutível” do presidente Michel Temer de restringir a intervenção no Rio à área da segurança. Em artigo publicado no Eblog, uma das mídias da força armada, o autor do texto sustenta que a situação caótica do estado deveria justificar o afastamento do governador Luiz Fernando Pezão. “Entretanto, optou o presidente por discutível medida setorizada”, que, talvez, diz, “tenha sido retardada em demasia”. O material é assinado por Sérgio Pinto Monteiro, professor e membro da Academia Brasileira de Defesa. O oficial...

De acordo com o Painel da Folha, um tenente da reserva usou um canal oficial do Exército para criticar a decisão “discutível” do presidente Michel Temer de restringir a intervenção no Rio à área da segurança. Em artigo publicado no Eblog, uma das mídias da força armada, o autor do texto sustenta que a situação caótica do estado deveria justificar o afastamento do governador Luiz Fernando Pezão. “Entretanto, optou o presidente por discutível medida setorizada”, que, talvez, diz, “tenha sido retardada em demasia”.

O material é assinado por Sérgio Pinto Monteiro, professor e membro da Academia Brasileira de Defesa. O oficial diz que a intervenção é necessária e critica a imprensa, que, segundo ele, “navega na contramão do desejo da sociedade e já começa a apontar suas baterias” contra a ação.

Procurado, o Exército informou que o EBlog é um espaço aberto a colaboradores militares e civis, e que o conteúdo é de responsabilidade de quem escreve. O órgão não comentou as críticas a Temer.

Veja também:  Para líder do PSL, não é preciso ato para defender Bolsonaro: "Já ganhamos as eleições, já passou isso aí"

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum