Segunda Tela

27 de fevereiro de 2018, 10h10

Tiago Leifert apanha nas redes após declarar que política e esporte não devem se misturar

O apresentador ignorou grandes heróis do esporte como Jesse Owens, Colin Kaepernick, Afonsinho e Sócrates

O apresentador do BBB, Tiago Leifert, viralizou nas redes com uma saraivada de críticas logo depois de publicar coluna no site GQ onde diz: “Quando política e esporte se misturam dá ruim. Vou poupá-los dos detalhes, mas basta olhar nossos últimos grandes eventos para entender que essas duas substâncias não devem ser consumidas ao mesmo tempo. O que me leva à minha primeira grande preocupação de 2018: é ano eleitoral”.

Mais adiante, Leifert lembra o caso do jogador, Colin Kaepernick, da NFL, a liga de futebol americano, que se ajoelhou em protesto contra o racismo. Ironicamente Kaepernick foi eleito cidadão do ano pela revista GQ americana.

“Nos Estados Unidos, Colin Kaepernick, jogador da NFL, a liga de futebol americano, resolveu se ajoelhar durante o hino americano para protestar contra a forma como a polícia trata os negros. Trump ficou pistola, os torcedores conservadores também, considerando um desrespeito ao hino. Independentemente do que você, leitor, ache, Kaepernick está desempregado. Nenhum time quis esse “troublemaker” no elenco. Como eu estava dizendo, quando esporte e política se misturam…”, disse.

Veja também:  Guerra comercial entre EUA e China tem mais um capítulo

Veja abaixo a repercussão das declarações de Leifert entre os internautas.

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum