08 de outubro de 2018, 16h47

Trabalhadores dos EUA enviam mais de 700 cartões postais para Lula

Diretora do Sindicato dos Metalúrgicos dos Estados Unidos da América, Kristine Peter, esteve em Curitiba nesta segunda-feira (8)

Kristyne Peter é diretora de Relações Internacionais do Sindicato dos Metalúrgicos dos Estado Usnidos da América – Foto: Joka Madruga/PT Nacional

Por Terra Sem Males

A diretora de Relações Internacionais do Sindicato dos Metalúrgicos dos Estado Usnidos da América (“United Auto Workers – UAW“), Kristyne Peter, esteve na Superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba, nesta segunda-feira (8), para entregar ao ex-presidente Lula mais de 700 cartões postais escritos por trabalhadores norte-americanos.

O “United Auto Workers (UAW)” foi fundado em 1935, com sede em Detroit (Michigan) e é um dos maiores e mais diversificados Sindicatos da América do Norte, com mais de 1 milhão membros ativos e aposentados nos Estados Unidos, Canadá e Porto Rico.

Possui mais de 600 sindicatos locais, com mais de 1.150 contratos coletivos nos três países em que atua. Além do setor automotivo (montadoras e auto-peças), agrícola e aeroespacial, a UAW representa trabalhadores de hospitais, ensino superior e organizações privadas sem fins lucrativos.