Imprensa livre e independente
17 de setembro de 2017, 13h36

Tribunal de Contas do PR pune funcionário que denunciou corrupção de Beto Richa

Denúncia é em relação à verba que deveria ser utilizada em reformas e construção de escolas e partiu da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Denúncia é em relação à verba que deveria ser utilizada em reformas e construção de escolas e partiu da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR). Do Facebook da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) A cada dia mais arbitrariedades da nossa Justiça! No Paraná, o Tribunal de Contas condenou um funcionário do governo do Estado a devolver aos cofres públicos o dinheiro que ele tomou a iniciativa de denunciar que estava sendo roubado. Jaime Sunié Neto, respeitado jogador de xadrez na juventude, funcionário público íntegro, detectou fraude em recursos da Fundepar (Fundação de Desenvolvimento Educacional do Paraná) que deveriam ser destinados a reformas e...

Denúncia é em relação à verba que deveria ser utilizada em reformas e construção de escolas e partiu da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Do Facebook da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR)

A cada dia mais arbitrariedades da nossa Justiça! No Paraná, o Tribunal de Contas condenou um funcionário do governo do Estado a devolver aos cofres públicos o dinheiro que ele tomou a iniciativa de denunciar que estava sendo roubado. Jaime Sunié Neto, respeitado jogador de xadrez na juventude, funcionário público íntegro, detectou fraude em recursos da Fundepar (Fundação de Desenvolvimento Educacional do Paraná) que deveriam ser destinados a reformas e construção de escolas, e foi afastado do cargo.

A Operação Quadro Negro acabou descobrindo que os recursos estavam sendo desviados para a campanha de Beto Richa: R$ 20 milhões que saíram da Fundepar para a reeleição do governador. No final das contas, Sunié Neto pagou o pato enquanto o pessoal do alto escalão continua ileso. Barbaridade!

Foto: Orlando Kissner/ANPr

 

Veja também:  Gustavo Montezano assume presidência do BNDES com a missão de intensificar privatizações

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum