03 de março de 2019, 11h30

VÍDEO: Em paródia, marchinha de carnaval diz: “doutor, eu não me engano, o Bolsonaro é miliciano”

O Bloco 77 – Originais do Punk, de São Paulo, desfilou neste sábado (2) ao som de uma versão da música “Coração Corintiano”, de Manoel Ferreira, que fala da ligação do clã Bolsonaro com a milícia no Rio

(Foto: Reprodução Vídeo)
Enquanto integrantes do governo fogem do Carnaval, foliões do Brasil inteiro divulgaram imagens de blocos com críticas ao presidente e ao atual governo. O Bloco 77 – Originais do Punk, de São Paulo, desfilou neste sábado (2) ao som de uma versão da música “Coração Corintiano”, de Manoel Ferreira, com críticas a Jair Bolsonaro (PSL). “Doutor, eu não me engano, o Bolsonaro é Miliciano. Eu não sabia, mais o que dizer, em casa noticiam, a culpa é do PT. Ah doutor eu não me engano, oh Bolsonaro eu não vou passar o pano.” A canção faz alusão ao fato do...

Enquanto integrantes do governo fogem do Carnaval, foliões do Brasil inteiro divulgaram imagens de blocos com críticas ao presidente e ao atual governo.

O Bloco 77 – Originais do Punk, de São Paulo, desfilou neste sábado (2) ao som de uma versão da música “Coração Corintiano”, de Manoel Ferreira, com críticas a Jair Bolsonaro (PSL). “Doutor, eu não me engano, o Bolsonaro é Miliciano. Eu não sabia, mais o que dizer, em casa noticiam, a culpa é do PT. Ah doutor eu não me engano, oh Bolsonaro eu não vou passar o pano.”

A canção faz alusão ao fato do envolvimento do senador Flávio Bolsonaro (PSL/RJ) com membros da milícia no Rio de Janeiro. O filho de Jair Bolsonaro chegou a empregar a mãe e esposa de um ex-policial militar suspeito de chefiar milícia no Rio de Janeiro.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.