13 de novembro de 2018, 09h21

Zé Dirceu prevê um governo Bolsonaro popular e duradouro

Ex-ministro afirmou que para superar esse momento é necessário a união de partidos de esquerda, nem que seja em um programa mínimo de oposição ao governo.

O ex-ministro José Dirceu disse que o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) terá apoio popular e que seu governo deve durar “muito tempo”. “Não nos iludamos. É um governo que tem muita base social, muita força e muito tempo pela frente. Vai transformar a segurança em pauta”, disse, na noite desta segunda-feira (12), em um pequeno discurso no lançamento de seu livro.

Para Dirceu, Bolsonaro vai querer impor o medo como forma de comandar o país e que é preciso “sabedoria política” para sair da defensiva. “Querem nos impor o medo. Se fosse por medo não teríamos derrotado a ditadura. Estamos numa defensiva. Fomos derrotados. Precisamos de sabedoria política”.

Respondendo a processo em liberdade, após condenação nas instâncias inferiores pela Lava Jato, o ex-ministro disse que “em 13 anos e meio (desde que o PT assumiu o poder até o golpe parlamentar), nos afastamos do dia a dia do povo” e que é preciso “reconhecer os erros”.

Entretanto, Dirceu afirmou que para superar esse momento é necessário a união de partidos de esquerda, nem que seja em um programa mínimo de oposição ao governo.

“Quer fazer um bloco, faça. Não quer fazer uma frente, não faça. Agora, vamos ter um programa mínimo. Suponho que esse programa mínimo é oposição ao governo, defesa da democracia, da soberania nacional e de reformas políticas, estruturais, sociais e econômicas que levem à distribuição de renda, da riqueza e do poder cultural e formação nesse país”, afirmou.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você não pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais